quarta-feira, 15 de julho de 2009

"The distance is the worst enemy of love."

Tudo bem, esse vai ser um desabafo idiotinha, então se você não gosta de ler desabafos adolescentes sobre a paixão (mas não tão complexo assim) (hm, muito 'menininha adolescente' isso .-., relevem), feche esta janela, please.

Enfim, não vou falar sobre a paixão em sí, primeiro que é um assunto muito clichê e segundo que eu não entendo muito disso. O motivo pra eu ter vindo aqui, nesse blog especialmente feito pra reclamar e desabafar, foi a minha má sorte com o amor. Só que meu caso é diferente, eu não demoro muito pra conhecer uma pessoa, o que acontece é que quando eu encontro um alguém simplesmente perfeito pra mim a distância é super longa, e isso não aconteceu só uma vez não, ok. Estressante é que quando isso acontece, eu já estou muito envolvido com a pessoa, e minha alternativa é esquecer e fazê-la esquecer pra não se tornar algo maior e com barreiras que vão fazer a gente sofrer...

E nesse assunto, logo eu que arrumo solução pra tudo, não consigo pensar em nada, só na pessoa.

Quem dera se a distância fosse só essa, hihi

Ótimo, desabafei, agora esqueçam isso.
.-.

11 comentários:

Paulo Leite disse...

É o amor (8)'
Mas em amor é igual musica sertaneja, é uma tortura que todo mundo gosta, e nem me pergunte o porque =/
Err.. tudo mt clichê mesmo, então eu vou parar de digitar pq daqui a pouco eu fico brega ¬¬
ASKOPSAOKPASOPKASOPKAS'

Ayla disse...

É foda mesmo essas coisas do amor.Mais pior que sofrer com a distância é você lutar para ficar com uma certa pessoa,e quando tudo começa a dar certo você descobre que ela não vale o chão que pisa.Te garanto,isso dói muito mais que sofrer pela distância,pois o passado sempre volta pra te assombrar,as lembranças..tudo.É podre.Mas Deus escreve certo por linhas tortas não é ?Então deve ter algum motivo...talvés você e essa pessoa possam se encontrar no futuro..não esquenta,"tudo vai dar certo no final,se ainda não deu,é porque o final ainda não chegou;"

V. Martins disse...

Ok, ok. EU sei EXTAMENTE como é isso.
Já sofri com amores a distância e acho que é bem complicado dar certo.
Tem que rolar MUITO empenho de ambas as partes. Maaaas, o amor é meio louco. às vezes dá certo.

Sorte, Thii (yn)

Lara ‹з disse...

é, sabe tambem passei por isso, mas graças é Deus não foi nada ruim, e quando acabou,acabou.
mas força ai Thi :)

ah seus peixinhos vão estar nadando felizes com o Bob :*

Marina Melow disse...

Opa, opa! Layout novo, muito maneiro!

Aaah agora que eu fui ver que o post é do Thiago. hehehe!
É, eu também sou azarada quando a isso. Quem me quer eu NUNCA quero, vivo em busca de alguém perfeito e enquanto isso, fico sozinha mesmo.
é f***.

Philip Rangel disse...

Tambe sei como é isso ..o sofrimento doi..machuca...acaba com uma pessoa...isso é a dor de ficar sem a outra metade...ninguem nasceu para viver so...

abraçao

Ágatha Alves disse...

Eu entendo muito bem...
estou passando por isso e a distancia desse amor n é curta...
eu aqui e ele nos Estados Unidos...
tento repensar e ver que se estou alimentando esse amor tenho qeu te conciencia dessa distancia e controlar a dor ...
é a primeira vez que passo por isso tudo é novo e complicado... mas se tiver que dar certo mesmo que demore vai da certo...

Beijos

.moony. disse...

às vezes as pessoas dizem q pode dar certo (amor à distância) e fazem previsões otimistas, mas eu não gosto de acreditar nessas previsões =/ sei lá, não gosto nem um pouco de distância. quero as pessoas perto de mim =P
tipo, tudo o que se fala sobre amor é meio clichê, principalmente o que eu vou dizer agora: quando a gente morre de chorar pelo maior amor da vida, aparece então um melhor ainda. FATO!

:*

teh +

o/*

Salete Maria disse...

obrigada por visitar nosso blog
www.cordelirando.blogspot.com
viemos aqui prestigiar o seu
e registrar agradecimento
att
salete maria

grazy dos santos. disse...

caaaaaaaar, sei BEM o que é isso!
todo mundo que começo a gostar mora a pelo menos, 2 horas de distância de mim, nunca menos, sempre bem mais do que isso.. será que é mau-olhado? karma? olho gordo?
ai de nós.. ahahaha.

;*

Ausência Instável disse...

Adoro visitar o Ryan, estou ausente mas sempre venho viu ...

Estava lendo sobre o cinema, e quase fiz a mesma coisa, mas eu fui realmente assistir ERA DO GELO, e estava muito, mas muitoooooooo lotado, enfim ... quando soube que haveria 5 salas, e apenas 54 pessoas na sala que eu ficaria, UFAAAAAAAA!!!!! Corri para pegar luga, pois após LOTADA!...
Eu imagino os surtos que sua amiga deu, eu fico louco também, o povo parece que combina.

Agora referente aqui, comigo acontece a mesma coisa, parece que se encaixamos melhor com as pessoas que moram distante, e imaginamos mil coisas se estivessemos com ela, é engraçado, mas é incoviniente, ficamos inseguros, e queremos tudo por uma vez só.
Isso me acontece muito, a questão é tentar, se não ... É ESQUECER MESMO.

Bom final de semana RYAN!
Beijos ;)